Qualidade do serviço e do aconselhamento: o BANK-now perguntou

Patrick Fernandes: "Os nossos clientes esperam de nós discrição, soluções de crédito adequadas às suas necessidades e ter por interlocutor um assessor fiável e digno de confiança." O gerente das filiais de Zurique e Pfäffikon/SZ revela na entrevista a seguir de que forma o BANK-now satisfaz estas expetativas e revela que inicialmente sonhava seguir outro percurso profissional.

Patrick Fernandes, em que se baseia a qualidade do serviço e do aconselhamento do BANK-now?

Para nós é fundamental prestar aos nossos clientes um aconselhamento de alta qualidade e um bom serviço. Por essa razão, as exigências profissionais colocadas a um gestor de conta são correspondentemente elevadas. Na qualidade de primeira instituição no setor do crédito ao consumo, decidimos certificar os nossos gestores de conta com base em critérios claramente definidos e testes normalizados. Também as nossas competências linguísticas, a elevada disponibilidade e o contacto pessoal com os clientes nas filiais são muito apreciados pelos nossos clientes. Para nós é importante estabelecer com os nossos clientes uma parceria longa e sustentável.

Por que razão recomenda um aconselhamento pessoal?

Durante uma conversa de aconselhamento pessoal, se possível na língua materna do cliente, podemos analisar a fundo a situação de vida e as necessidades do cliente, responder a perguntas e esclarecer dúvidas e, com base nisto tudo, oferecer ao cliente uma solução de crédito adequada às suas circunstâncias. Temos muito gosto em aconselhar os nossos clientes e o nosso aconselhamento é gratuito e sem compromisso. O cliente pode visitar-nos sempre que quiser numa das nossas 22 filiais na Suíça ou telefonar-nos.

Quais são as principais preocupações dos clientes?

Os nossos clientes esperam de nós discrição, soluções de crédito adequadas às suas necessidades e ter por interlocutor um assessor fiável e digno de confiança. Por isso, durante um processo de crédito, para os nossos clientes são decisivos fatores como uma elevada qualidade de serviço, decisões rápidas, sensibilidade e bons instintos quanto às necessidades dos clientes. Temos também noção de que precisamente na era da digitalização as necessidades dos clientes estão em constante mudança. Por isso, o BANK-now continua a desenvolver os seus processos de aconselhamento.

Por que razão se tornou gestor de conta?

Quando ainda frequentava a primária, queria muito estudar matemática. O facto de hoje em dia trabalhar na área do apoio ao cliente continua a surpreender-me um pouco. Fora de brincadeiras. A área bancária sempre me fascinou e não consigo ver-me a trabalhar noutro setor. Gosto também muito de lidar com pessoas. Por isso, para mim foi claro que queria ser gestor de conta e este trabalho continua a dar-me imenso prazer. As interações diárias com os clientes e com a minha equipa são sempre empolgantes e asseguram um dia a dia de trabalho sempre muito diferente. Além disso, para mim é muito motivante e dá-me grande satisfação conseguir uma solução financeira à medida de cada cliente.

Qualidade do serviço e do aconselhamento

  • 100 gestores de contaestão diariamente ao seu dispor
  • Falamos mais de 15 idiomas
  • Como requisito para a respetiva certificação, os nossos gestores de conta realizaram 70 horas de formação obrigatória

Resumo da carreira

Patrick Fernandes estudou Business Administration, com especialização em Banca e Área Financeira, na universidade de Lucerna. Trabalha desde 2009 no BANK-now, inicialmente como gestor de conta na região de Mittelland e mais tarde na área de Sales Management. Em 2016, começou a coordenar uma equipa de gestores de conta dedicada aos clientes de língua portuguesa. Desde 2018 que é gerente das filiais de Zürich-City e Pfäffikon SZ.

O artigo ajudou-o?
Dados inválidos ou incompletos

Todos os campos a amarelo têm de ser preenchidos.